Estrias, como livrar-se delas?

Beleza

Oba!!! Hoje é dia de post-colaboração com a super médica dermatologista, Dra. Michele Barros. Ela nos dá dicas de como prevenir e tratar estrias. Confira:

tratamentos para estrias

Foto: reprodução (adaptada por Truque Feminino).

”O fato é que a maioria das mulheres e muitos homens são acometidos por esse distúrbio.

As estrias são linhas vermelhas ou arroxeadas (quando recentes) e/ou brancas (mais antigas) que surgem em áreas como mamas, abdome, quadris, costas,  coxas, virilha, axilas. O aparecimento da estria é devido ao estiramento cutâneo + alterações hormonais (exemplo: gestação, adolescência, aumento de peso, aumento de volume muscular, uso de corticóides tópicos ou sistêmicos, doença de Cushing).

Na maioria das vezes são assintomáticas. Surgem de maneira inesperada e desagradam a maioria das pessoas que a possuem. Então, vamos a algumas dicas para evitar seu aparecimento:

1) Se você tem algum fator de risco acima citado, hidrate constantemente a sua pele. Pode ser qualquer hidratante que leve ao aumento do turgor e elasticidade cutânea. Existem alguns hidratantes mais específicos para as grávidas (essas não podem usar qualquer substância);

2) Mantenha seu peso em níveis aceitáveis para sua altura;

3) Pratique atividade física regularmente, pois isso leva a uma melhor oxigenação dos tecidos, inclusive de sua pele;

4) Se alimente com 3 a 5 porções de frutas e verduras por dia;

5) Coma boas proteínas para uma adequada formação de colágeno;

6) Tome água, 1 a 2 litros ao dia.

E se as estrias foram inevitáveis… Podemos tratá-las!!!!

O melhor tratamento para estria é o LASER de CO2 ou Erbium fracionado. O LASER consegue fazer um estímulo intenso e profundo das fibras colágenas. Outros tratamentos incluem a subcisão, a carboxiterapia, os peelings químicos, a microdermoabrasão (peeling de cristal), a radiofrequência e o uso domiciliar de ácido retinóico ou glicólico.

Se tratadas enquanto vermelhas podemos ter um resultado de melhora de 50 a 70%. Se as estrias já estiverem brancas a melhora varia de 30 a 50%”.

Dra -michele-barros-cascavel-PR-dermatologista

Comentários via Facebook

Deixe seu comentário, vamos amar!

6 comentários

  1. karine Ferreira - em -

    Já fiz a carboxiterapia e de nada adiantou. Dinheiro jogado fora!

    » Responder
    1. Ju Araujo respondeu - em -

      Oi Karine,
      Há casos em que a carboxiterapia não é o tratamento mais indicado… Isso depender da avaliação e indicação do profissional. Infelizmente há muitas pessoas sem conhecimento prometendo grandes resultados!
      Também vale observar que se as estrias já estiverem brancas a melhora varia de 30 a 50%.
      Beijos

      » Responder
  2. Thays Soares - em -

    Boa noite!
    A Dra Michele atende no Rio de Janeiro?

    » Responder
    1. Ju Araujo respondeu - em -

      Oi Thays,
      Infelizmente não. Ela atende no Paraná ;)
      Beijos

      » Responder
  3. lilian pereira - em -

    adorei a dica mas infelizmente tenho estrias a 16 anos e também flacidez,sofro muito com isso tenho muita vergonha do meu corpo principalmente a parte do abdome e coxas..

    » Responder
    1. Ju Araujo respondeu - em -

      Oi Lilian,
      Não tenha vergonha do seu corpo! Muitas mulheres sofrem com estrias… Uma boa dica é a prevenção.
      Beijos e uma ótima semana ;)

      » Responder